terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Encontro adiado


Combinamos assim...
Primeiro chegas tu, e logo a seguir eu, ou então chegamos em simultâneo, tanto faz!
E quando ficarmos frente a frente olhamo-nos nos olhos e sorrimos. 
Aproximamo-nos devagar ou depressa, não vou prometer nada, logo se vê, mas de uma coisa tenho a certeza, não te darei um beijo na face, nem saberia como fazê-lo contigo.
Os narizes iriam chocar um com o outro para o mesmo lado, e os lábios perseguir-se-iam desenfreados...
Não!!
A sério, não consigo.
Pode ser um abraço apertado, uma palmada nas costas, um aperto de mão... sei lá, o que quiseres.
Pode até ser que te derrube com a excitação do momento e acabemos os dois por rebolar no chão, ou na água... em qualquer lugar. 
Desde que caiamos juntos, tanto se me dá a confusão.
Agora um beijo na cara é que não!!
Desculpa, não consigo!

6 comentários:

  1. Está a chover por esses lados ?
    Mera curiosidade, nada implícito com a pergunta... :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não chove não! Até faz um solinho bem bonito.
      Eu sei que nunca fazes questões dubias...

      Eliminar
  2. Beijos na cara tornam-se estranhos quando as bocas já se conhecem. Não me lembro onde li isto, mas faz todo o sentido. Por que havemos de beijar na cara se o desejo é outro?

    Gostei deste encontro desencontrado...

    Beijinhos...na bochecha ;)

    ResponderEliminar

Vá... comenta, não te inibas.