quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Na voz de quem sabe das coisas...



"Tomás pensava consigo próprio que ir para a cama com uma mulher e dormir com ela são duas paixões não só diferentes como quase contraditórias. 
O amor não se manifesta através do desejo de fazer amor 
(desejo que se aplica a um número incontável de mulheres), 
mas através do desejo de partilhar o sono 
(desejo que só se sente por uma única mulher)."

 
{Milan Kundera, A insustentável leveza do ser}

1 comentário:

  1. Um livro que adorei ler e uma citação verdadeiramente bem escolhida...!
    Bjs
    Maria

    ResponderEliminar

Vá... comenta, não te inibas.