sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Dias nublados....



Às vezes perco o mapa do meu olhar e dou por mim a contemplar o vazio, lá fora a chuva fustiga, alaga as ruas e transborda os rios. 
Sem gps esta janela parece um labirinto e longe de tudo é como me sinto. Desviei-me de caminhos cansados. 
E de pessoas em que tropecei mas não conheci, aos poucos perco o rasto do vento, mas ainda sinto relâmpagos cá dentro. 
Um dia a tempestade vai passar, o sol vai entrar e mergulhar no meu olhar.

4 comentários:

Vá... comenta, não te inibas.