sexta-feira, 11 de outubro de 2013



Não entendo o que existe nos teus olhos que faz com que as minhas mãos fiquem frias e húmidas,fazem-me querer fugir.
Dão-me vontade de te abraçar, e ao mesmo tempo de desaparecer!
Tenho vontade de te beijar, mas escondo-me e não te peço para ficar.
Nem sei se poderíamos nos encontrar.
Depois de termos tentado tanto nos perder...
Temo os teus olhos, porque temo que os meus me atraiçoem.
Temo que as mentiras tão cuidadosamente ponderadas sejam desvendadas.
Temo que as traições inventadas por mim para te afastar sejam descobertas...
Temo os teus olhos, porque eles descobrirão nos meus, o amor que sempre neguei!
Temo os teus olhos, porque amo o teu olhar e porque fico sem saber...
Se me escondo, ou se te peço para ficar!
De uma forma ou de outra.  
Será sempre domingo...

{escrito em 2007}

11 comentários:

  1. Que lindo olho ( uma vez que so vejo um....)
    Amiga, nunca é tarde para olhar nos olhos....se há algo por dizer deve ser dito mesmo que isso não tenha o retorno desejado....há que tentar não??
    jinhusssssssss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi escrito em 2007 querida, passou o prazo de validade. :)

      Eliminar
    2. Há prazos que se devem ignorar, a não ser que o produto não te interesse mais. Aí podes deitá-lo aos ... golfinhos. Lol

      Eliminar
    3. Nunca é tarde !
      "só temos esta vida e se não a vivermos não vamos ter outra oportunidade"

      S.S. Golfinhos ?

      Eliminar
    4. Lembrei-me de meter-me ctg bocagiano.;)

      Eliminar
    5. O prazo expirou, há coisas que não foram feitas para ser concretizadas.
      Fica uma lembrança suave e doce :)

      Eliminar
    6. Mosquiteira, se foi suave e doce é bom para recordar então !

      Nikita eu bem me parecia que os golfinhos aqui não entravam. Gostas muito de me atirar farpas !

      Eliminar
  2. Lindo. Os olhos chegaram a encontrar-se?

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Encontraram-se recentemente, o brilho já não era o mesmo.
      beijos

      Eliminar
    2. nunca será, a magia vai-se perdendo....

      como diria o outro:
      "o que é que sentes
      - borboletas! borboletas"

      agora poucas pelo que li, mas ainda algumas...

      Eliminar
    3. O tempo ameniza tudo, bom ou mau. Pena não se terem encontrado em 2007!

      Beijos

      Eliminar

Vá... comenta, não te inibas.